sexta-feira, 4 de novembro de 2011

POETAS E RIOS


Os poetas
são feitos de sentimentos,
que tornam o rio
da vida,
ora calma,
ora tempestuoso...

Que a luz da vida
esteja sempre em teu olhar.





-
Foto: F.Reis(c)2011
Local: Chaves, Quinta do Rebentão, se não me engano, um ganso chinês
Texto: um comentário de ALUISIO CAVALCANTE JR num post do blogue flor-de-lis que podia, muito bem, ser um poema. Evidentemente que o "colhi" por ser público.

-

4 comentários:

Sara disse...

Concordo inteiramente com a escolha. Haja "olho clínico" para detetar a poesia, lá, onde por vezes se esconde :)

[não sabia que se chamava glória-da-manhã. É um belo nome, que não deixa de conter em si certa poesia. Obrigada por esta indicação. Jamais me esquecerei do nome desta flor.]
Um abraço e um ótimo fim de semana!

Fernando Reis disse...

Sara: por acaso até tem outros nomes comuns(e mesmo o científico levanta algumas dúvidas a muita gente ...) mas é este o nome que mais me agrada e que lhe chamo, precisamente pela poesia que ele transporta.

E muitas vezes é mesmo a poesia o que mais importa.

lis disse...

Muito boa colheita Fernando
O Aluisio é um professor poeta a quem tenho uma grande admiração.
Interessante como tem certos "comentários que valem um post" como bem cunhou a frase o nosso mestre Eduardo.
Obrigada por passaer vez ou outra no flor de lis,
uma visita que me honra tanto quanto a de Aluisio .
dois amigos poetas !
Ah o ganso tem ar imponente,bonito.
alguns sao bravos.rs
deixo abraços

mfc disse...

Um poema sorridente e luminoso que nos alegra nestes dias incertos.

Ahh... e uma linda foto.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

OS 7 MAIS LIDOS