domingo, 9 de outubro de 2011

DOMINGO DE FLORES: buganvílea




Primavera, três-marias, sempre-lustrosa, Santa-Rita, ceboleiro, roseiro, buganvília-do-Brasil, roseta, riso, pataguinha, pau-de-roseira ou flor-de-papel são outros nomes comuns da Bougainvillea sp. (no caso penso tratar-se de dois exemplares de Bougainvillea spectabilis WILLD.), da família das Nyctaginaceae, que conta com cerca de 18 espécies originárias da América do Sul (climas tropicais e subtropicais).


O seu nome científico ficará para sempre ligado ao matemático, navegador e explorador Almirante Lois-Antoine, conde de Bougainville (1729-1811), que "descobriu" esta espécie no Brasil (entre 1767 e 1768) numa longa viagem à volta do mundo.


Trata-se de uma planta arbustiva, por vezes trepadora com caule e ramos aculeados, folhas alternas, inteiras, de lanceoladas a ovadas avermelhadas.



As flores pequenas e tubulosas (nos casos observados, de cor branca) são envolvidas por brácteas de cores diversas (frequentemente púrpura ou violácea, umas vezes de cor branca ou amarelo-torrado) com a floração a ocorrer entre os meses de Abril e Setembro.


Em termos paisagistas, claro está que os aspectos mais interessantes são o facto de esta planta poder ser, ou comportar-se, como uma trepadeira, cobrindo espaços verticais menos interessantes de uma forma especial e rápida e, evidentemente, a cor das suas brácteas, geralmente quente e intensa (deixando uma impressão forte a quem a observa), o que torna esta planta num excelente elemento focal.




Nota:. no desafio macroVEGETAL#4, a MONTSE, com o seu olhar experiente, acertou no nome da planta, tão rapidamente que nem deu tempo ao MFC, à LIS ou à SARA para também acertarem (o meu obrigado a todos pela participação).


-
Fotos: F.Reis(c)2011
Local: Vila Nova, Cernache, Condeixa-a-Nova

Na rede:

#1 - blogue FELIZMENTE HÁ LUAR (foto de buganvílea)
#2 - sítio AGGIE HORTICULTURE
#3 - dicionário AULETE
#4 - WIKIPEDIA (Lois Antoine de Bougainville)
#5 - WIKIPEDIA (Bougainvíllea)
#6 - sítio HEAR - PLANTS OF HAWAII
(Bougainvillea sp.)
#7 - sítio HEAR - PLANTS OF HAWAII (Bougainvillea spectabilis)
#8 - sítio GFLORA.COM - ENCICLOPEDIA OF HOUSE PLANTS (Bougainvillea)

9 comentários:

Montse disse...

No hay mucho mérito, más bien fuí la primera y la Bouganvilla es muy mediterránea. Puede que no tenga tanto "ojo" con otros macros y me encanta este juego.
Feliz domingo!

Fernando Reis disse...

Montsé: gracias por tus palabras y si que hay mucho mérito (quien lo dude que vea con ojos de ver el blog que es tu rostro ... )

Feliz Domingo.

Sara disse...

Gosto muito de buganvíleas. Uma amiga tem uma, lindíssima, naquilo que ela chama a sua "amostra de jardim" e devo dizer que é sempre um prazer revê-la por lá.
É interessante saber das suas origens. Quando voltar à casa desta amiga vou-lhe perguntar se acaso conhece o conde de Bougainville :))
Um boa semana, Fernando!

mfc disse...

Não acertei... mas vi as tuas excelentes fotos!
Parabéns.

Paulo Coimbra disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Paulo Coimbra disse...

Lindíssima!
O meu pai também as apreciava imenso.
Em S.Tomé, onde viveu grande parte da sua vida, as buganvíleas eram simplesmente fabulosas e sempre belas.
Aqui na nossa zona o clima não é, infelizmente, adequado para elas.
Parabéns pelas fotos
Obrigado, Fernando

lis disse...

É isso Fernando temos a Montse que entende bem e é ótima observadora.
Páreo pra nao se igualar rsrs
Interessanrte os vários matizes dessa planta ,todos lindos e vibrantes .
Por aqui temos pelos campos tipo nativa mesmo.
boa semana

ana disse...

A buganvília é uma flor bonita mas é muito frágil. Tinha duas que durante o penúltimo inverno floriram.
Após o inverno passado não vieram na primavera e tristemente eu deixo os ramos sem flores à espera que um dia renasçam. Será possível?

Helena de Brito disse...

Olá. Parabéns pelo blog e BOM ANO de 2012, com tudo o que seja bonito, tal como as flores nos oferecem.
A razão pela qual estou a comentar o seu post, é que eu gosto muito de jardinar. Bom... não tenho grande tempo, e como advogada que sou não tenho mesmo tempo quase nenhum. No entanto o que dedico a flores e a tratar de animais, é uma verdadeira terapia para mim. Um dia destes, resolvi transformar uma varanda fechada da minha casa, torná-la mesmo varanda. Ou seja, retirei todo o recheio, que a transformara numa salinha, e deixei apenas 2 cadeirões de bambu preto, 1 cadeira tipo brasileira e 1 mesinha redonda também com uma cadeira de bamú. Mantive as janelas de aluminio, já que abertas deixam a zona como se fosse uma verdadeira varanda aberta.
Depois, importei do meu terraço do escritório, uma planta: bambu preto e uma buganvilea.(muito altas) Tanto uma como a outra, já se encontravam no terraço há cerca de 6 anos. Quanto ao bambu, não noto por enquanto nada, mas a minha linda buganvilea, que estava cheia de folhas verdinhas, está neste momento a ficar totalmente careca. E estamos a falar de uma muda que ainda não tem um mês. Assim, e em pânico, agarrei numas folhas e levei a um centro de jardinagem na Sobreda, gerida pela família proprietária e muito conhecedores na matéria, que me sossegaram e após analisarem as referidas folhas, informaram-me que estivesse serena. Disseram que eram folhas caducas, que ela iria ficar toda careca mas que era saudável.
Será importante informar, que esta varanda é muito agradável, que se encontra num 12º andar e é mais virada a Sul que outra coisa. No verão bate-lhe o Sol e é muito quente, mas tendo este rodado, a partir do meio dia é muito agradável.
Qual é a sua opinião? gostaria que me transmitisse o que pensa. Considera errada a minha iniciativa de a ter colocado naquele local? Que sugestões me dá?
Obrigada,
Helena de Brito

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

OS 7 MAIS LIDOS