sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

PESCADOR

-




"(...)

Ah,
Tornar exeqüível
A mais idílica das pescarias:
Deslindar,
Ao bel-prazer do incessante fluxo
E refluxo da odisseia dos dias,
Que o elixir da vida
Foi, é e eternamente será
A onipresente e suprema arte cristalina da Poesia!

(...)"


-

Foto: F. Reis
Local: ... adorava lembrar-me ... (ALGUÉM SABE?)
Poesia: "Pescador do Lirismo" de JESSÉ BARBOSA DE OLIVEIRA in LUSO-POEMAS
-

3 comentários:

João Menéres disse...

Poderá ser para os lados da Apúlia...pela roupa do pescador.
Por outro lado, a casa com riscas verticais, aponta mais para a zona da Ria de Aveiro...

Um abraço de quem nunca viu esta estatuária.

Fernando Reis disse...

É bem provável, porque esta foto já tem uns aninhos. De facto, a casa azul lembra as pinturas típicas das casas de pescador da área de Aveiro ... e só tenho pena de ter tirado apenas esta foto da estátua ... simples mas muito bonita.

Abraço.

Céu Vieira disse...

Amigo Fernando, acho que não é para estes lados da Costa Nova, não!! Não conheço esta estátua aqui nesta zona!! Pode ser p´ra os lados da Apúlia, sim! Em Esmoriz também tem casinhas de riscas!!...
Mas aqui na Costa Nova, não é, não!!

Gostei da imagem e do poema!!
Parabéns
Bfs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

OS 7 MAIS LIDOS